Homilia Frei Gilson para sexta-feira santa: como meditar o mistério da morte de Jesus

A Homilia Frei Gilson para sexta-feira santa, 15 de abril, traz uma reflexão sobre a morte de Cristo. A leitura central se encontra no livro de João, capítulo 19, versículo 30. Nesta passagem, Jesus toma vinagre e entrega seu espirito, dizendo que tudo está consumado. Foi para isto que Jesus veio ao mundo.

Conselho Federal de Farmácia - Brasil - Notícia: 13/07/2020 - CFF cria  grupos no WhatsApp e Telegram para divulgação de notícias
Receba orações e estudos diariamente

Cristo sabia de sua missão aqui na Terra. Pai está consumado A tua vontade foi feita. Eu morri pelos homens. Foram estas as expressões que o Mestre falou na cruz.

Homilia Frei Gilson para sexta-feira santa

Frei Gilson destacou que é graças ao mistério da cruz que podemos ser salvos. Esta sexta-feira é o único dia do ano que o católico não celebra a missa. Isto porque, a igreja entra no mistério profundo da morte de Cristo.

Além disso, esta sexta-feira é um dia de jejum, de abstinência. A igreja inteira está meditando a morte do senhor.

Neste dia especial, siga o exemplo da obediência de cristo. Não siga o veneno da desobediência de Lúcifer. Ele deixou o orgulho tomar conta de seu coração e quis ser maior que Deus. Cumpra os mandamentos de Deus. Isto porque, eles são os limites que devemos seguir. Apesar de sermos livres, não podemos fazer o que queremos. A criatura tem limites. Não somos Deus.

O bem e o mal

A árvore do conhecimento e do mal era algo proibido. Mas, Adão e Eva não obedeceram. Eles conheceram o pecado. Portanto, comer o fruto proibido é ultrapassar o limite criatural. Isto porque, somos criaturas e devemos ser submissos à vontade de Deus. É ele quem determina o que é bom e o que é mal.

Entretanto, o espírito de desobediência de Adão e Eva continua sobre a nossa geração. É um espírito de desobediência aos mandamentos de Deus. Que você seja a cada dia obediente a Cristo.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *