Meditação Frei Gilson para quarta-feira (14): esta é a pior coisa que pode acontecer na vida

A meditação Frei Gilson para quarta-feira, 14 de dezembro, traz uma mensagem de ensinamento para a sua vida. A leitura central se encontra no livro de Lucas, capítulo 7, versículos 19 a 23. Nesta passagem diz que feliz é aquele que não se escandaliza por causa de Jesus.

Conselho Federal de Farmácia - Brasil - Notícia: 13/07/2020 - CFF cria  grupos no WhatsApp e Telegram para divulgação de notícias
Receba orações e estudos diariamente

Frei Gilson afirmou que a palavra diz que muitas pessoas vão se escandalizar por causa de Jesus. Isso é anunciado desde o nascimento de Cristo. Isto porque o profeta Simeão pegou o menino Jesus nos braços e disse para sua mãe, Maria, que aquele menino seria a causa de contradição. Para alguns seria a casal de erguimento, mas para outros seria causa de queda.

Palavra dura: meditação Frei Gilson para quarta-feira (14)

Desde o momento do nascimento de Jesus já havia sido profetizado que aqueles que acreditarem em Jesus seriam salvos. Mas, quem não crer já está condenado. Muitos veem Jesus, mas não acreditam nele.

Joao Batista levou seus discípulos ao encontro de Jesus. A pior coisa que pode acontecer na vida de alguém é não crer em Jesus. É comum ver artistas e personalidades falando de Jesus, mas é algo que eles criaram. Isto porque quando se fala de Jesus tem que abrir Bíblia. É preciso pregar de acordo com a palavra de Deus.

A verdadeira palavra de Deus

Muitas pessoas não acreditam em Jesus, pois o verdadeiro Jesus escandaliza este mundo. As pessoas ficam escandalizadas quando se deparam com o verdadeiro Jesus. A palavra de Deus escandaliza este mundo porque afronta os ideais deste mundo.

Triste é aquele que não deseja seguir os mandamentos de Cristo. Mas, feliz é aquele que segue a palavra. Ela é difícil, mas ela é quem levará para a salvação eterna. Não há outro caminho. Portanto, siga firme, crendo e seguindo os mandamentos que Jesus ordenou.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *